Dilatações e Próteses

Dilatação Endoscópica, como o nome indica, tem como objetivo dilatar segmentos do tubo digestivo que tenham o seu calibre reduzido (denominadas estenoses). Esta diminuição do calibre habitual pode resultar de alterações do desenvolvimento do indivíduo (causas congénitas), de doenças naturais ou devido a intervenções médicas.

Próteses Endoscópicas tem a mesma função de manter a permeabilidade do orgão e são provisórias ou definitivas.

Os orgãos que podem se beneficiar destas técnicas são: esôfago, estômago, duodeno, vias biliares, pâncreas e intestino grosso.